Em março tem Zuza Homem de Mello falando da Bossa Nova em Indaiatuba

O violão de João Gilberto e as composições de Tom Jobim e Vinicius de Moraes são os principais marcos do aparecimento da Bossa Nova em 1958, com “Chega de saudade”. Para falar desse gênero inovador que deu projeção universal à música popular brasileira, o Espaço Reconceito convidou Zuza Homem de Mello, testemunha presencial e estudioso do tema, para uma aula que aborda o movimento desde seus precedentes – quando o samba-canção predominava e surgiam os primeiros sintomas de uma modernidade na música popular brasileira – até seus desdobramentos. As aulas serão expositivas e ilustradas com exemplos musicais sobre a Bossa Nova.

zuza galerabossanova

Zuza Homem de Mello é especialista em MPB, jornalista, escritor e radialista. Trabalhou nos célebres Festivais da Canção Popular e tem uma atividade constante na música popular brasileira nos últimos 60 anos. Entre os nove livros publicados, focalizou “João Gilberto” (Publifolha, 2001, esgotado), “Eis aqui os Bossa Nova”, lançado em 2008 pela Martins Fontes e “Copacabana, a trajetória do samba-canção” (Editora 34), lançado com grande sucesso em dezembro de 2017. Apresenta o programa “Playlist do Zuza” pela Radio USP em cadeia com outras emissoras e atua como curador e apresentador em diferentes séries de documentários para a televisão, além de ministrar cursos e proferir palestras como a que acontecerá no dia 19 de março de 2018, das 19h30 às 22h em Indaiatuba. Para mais informações e inscrições, 3885-3159.

Serviço:

Reconceito – Rua Cinco de Julho, 591 – Jardim Pau Preto – Indaiatuba/SP – (19) 3885-3159

www.reconceito.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *